Geral

Publicado em junho 27th, 2014 | by Editorial De Seguranca.com.br

Câmara amplia serviço de vigilância terceirizada

Total de vigilantes aumentou de 93 para 169, informou assessoria.

Custo do serviço passou de R$ 4,1 milhões para R$ 8,5 milhões.

A Câmara dos Deputados aumentou de 93 para 169 o número de vigilantes terceirizados que atuam na área externa da Casa – internamente, a segurança é feita pelos policiais legislativos, que são servidores concursados.

Segundo a assessoria de imprensa da Câmara, votações polêmicas e o aumento do número de visitantes motivaram a decisão. Com o ampliação do número de vigilantes, policiais legislativos que também atuavam na segurança externa deixarão de ter essa atribuição e passarão a trabalhar exclusivamente na parte interna.

A contratação dos terceirizados foi feita por meio de pregão eletrônico, vencido pela empresa Santa Helena Vigilância. O valor do contrato, de um ano, é de R$ 8.518.499,93. O contrato anterior era de R$ 4.180.194,22, firmado em junho de 2010 com a mesma empresa.

Os novos vigilantes estão trabalhando desde 1º de fevereiro. De acordo com a assessoria, o contrato anterior, que se encerraria em maio deste ano, foi rescindido sem prejuízo para a Câmara.

Os vigilantes contratados de forma terceirizada vão atuar nos acessos da Casa, fazendo vistoria de visitantes e também em rondas externas, realizando a “vigilância patrimonial”.

Segundo a assessoria, os vigilantes que vão atuar nas entradas do prédio da Câmara estarão autorizados a usar arma calibre 38. O salário médio pago aos vigilantes é de R$ 1.637.

Policiais legislativos

O trabalho dos vigilantes não interfere no dos policiais legislativos, servidores concursados da Câmara que atuam internamente na Casa.

Segundo a assessoria da Câmara, os policiais legislativos são responsáveis, entre outras atribuições, pela segurança dos parlamentares em plenário e nas dependências internas da Casa.

A Câmara tem 288 vagas para policial legislativo, mas apenas 246 estão na ativa. Segundo a assessoria, 42 cargos estão vagos por motivo de aposentadoria e saída de servidores.

O salário inicial dos policiais legislativos da Câmara é de R$ 5,63 mil. De acordo com a assessoria, a Câmara tem a previsão de realizar, ainda sem data definida, um concurso público para o preenchimento dos cargos vagos.

Fonte: G1

Tags: ,


Editorial

editorial@de-seguranca.com.br




Voltar ao topo ↑

  • Enquetes

    O que você gostaria de encontrar neste site?

    Ver resultados

    Carregando ... Carregando ...
  • Parceiros