Seg. Patrimonial

Publicado em setembro 9th, 2014 | by Adenilson Campos Guedes

Furtos e roubos de veículos. 03 Coisas que você precisa saber

Não há dúvidas de que o problema da criminalidade e da violência, especialmente no Brasil, vem se tornando cada vez mais complexo e frequente. Um fenômeno difícil de resolver e que afeta toda a sociedade. O fato é que atualmente o Brasil sofre com índices de criminalidade preocupantes e que as pessoas buscam de várias formas preservar sua integridade física e patrimonial. E dentro das várias formas de violência e práticas de crimes, destacamos o problema dos furtos e roubos de veículos no Brasil. Um problema preocupante que devido à falta de condições do poder público em prover a segurança necessária para os cidadãos, leva as pessoas procurarem medidas preventivas para se protegerem ou preservar seus bens. Medidas que vão desde questões comportamentais até investimento em equipamentos ou seguro contra furtos e roubos.

 

1.Nos últimos quinze anos, 2.500.000 veículos foram subtraídos somente em São Paulo

O Jornal da Segurança em sua edição de nº 235 de março de 2014 cita que nos últimos quinze anos, 2.500.000 veículos foram subtraídos somente em São Paulo. Para o portal G1, em 2013, somente na cidade de São Paulo, 99.206 veículos foram roubados ou furtados, o maior índice desde 2005. Já em Salvador e região metropolitana, cerca de 500 veículos são furtados / roubados por mês, ou seja, uma média de 6.000 veículos surrupiados por ano. No Rio, segundo dados do Instituto de Segurança Pública (ISP), em outubro de 2013, 2.645 veículos foram roubados.

2.Foram roubados ou furtados 191.347 veículos entre janeiro e junho de 2013 

De acordo a Confederação das Empresas de Seguro Gerais (CNSeg), foram roubados ou furtados 191.347 veículos entre janeiro e junho de 2013. Só em São Paulo fora quase à metade, ou seja, 93.347. O carro mais furtado e roubado do Brasil é o Gol, da Volkswagen (21.907 unidades), seguido de longe pela moto Honda CG 125 (13.051 unidades) e do Fiat Uno (11.5092 no período) Proporcionalmente, o veículo mais visado é a moto Honda NX4, ou seja, de cada unidade, praticamente uma (0,9%) é alvo de roubo e furto. O Fiat Stilo vem em seguida (0,76%), à frente do Punto (0,65%).

Dez veículos mais roubados/furtados no país entre janeiro e junho de 2010, em quantidade:

 

  1. VW Gol 21.907
  2. Honda CG 125 (moto) 13.051
  3. Fiat Uno 11.592
  4. Fiat Palio 10.104
  5. Honda CG 150 (moto) 7.594
  6. GM Corsa 6.024
  7. GM Celta 4.208
  8. Honda CBX (moto) 4.023
  9. VW Fusca 3.581
  10. VW Parati 3.159

Os carros mais roubados em São Paulo 2014

 

 3.O investimento em medidas de segurança é algo extremamente recomendável

Os índices de furto e roubo de veículos são preocupantes. Situação que demonstra claramente a ineficiência do sistema de segurança pública em relação à segurança das pessoas e seus bens. Diante deste cenário, o investimento em medidas de segurança é algo extremamente recomendável, seja através da contratação de seguro, ou algo mais em conta em termos de custos, como a instalação de equipamentos rastreadores GPS, dentre outros.

E você, tem alguma experiência sobre o assunto e gostaria de socializar? Deixe seus comentários abaixo.

Tags:


Editorial

Adenilson Campos Guedes é graduado em Gestão de Segurança Empresarial, possui Especialização em Consultoria Empresarial com Ênfase em Segurança Corporativa. Pós graduando em Gestão Política e Planejamento Estratégico pela Associação dos Diplomados da Escola Superior de Guerra – ADESG-BA.




Voltar ao topo ↑

  • Enquetes

    O que você gostaria de encontrar neste site?

    Ver resultados

    Carregando ... Carregando ...
  • Parceiros